É comum dentro de um financiamento imobiliário o cliente achar que o valor da sua parcela é o valor realmente devido em um financiamento, e se assusta quando descobre que em uma parcela de R$ 1.200,00, talvez esteja abatendo do seu saldo financiado apenas o valor de R$200,00.

Como assim?

Calma. Acontece que dentro de uma parcela de crédito imobiliário, o cliente não paga somente o valor financiado que deve para o banco. Dentro da parcela está incluído:

– Valor de amortização (o que realmente foi financiado e abate do saldo devedor);
– Valor correspondente aos juros do financiamento;
– Taxa administrativa do banco;
– Seguro do imóvel.

Portanto, amortização significa o valor que realmente será abatido do seu saldo devedor.

Esse valor de amortização varia dependendo do tipo de sistema de amortização escolhido no financiamento, podendo ser – SAC (Sistema de Amortização Constante), Tabela Price ou SAM (Sistema de Amortização Misto), taxa de juros, prazo, etc.

Além disso, amortização também é o valor que você pode abater com recursos próprios ou com o uso do FGTS durante o seu financiamento, podendo abater diretamente do saldo devedor um valor específico pago a parte para a instituição financeira.

Fonte: http://www.caixa.gov.br